“Um bom sono é um sonho possível ” é o slogan escolhido pela World Sleep Society  para assinalar o Dia Mundial do Sono em 2016.

 

Segundo o Serviço Nacional de Saúde a falta de um sono de qualidade reduz a concentração, diminui a produtividade académica e profissional e é uma das principais causas de acidentes rodoviários. Pode levar também ao desenvolvimento de problemas de saúde, como a hipertensão, doença cardíaca, diabetes, etc.

A maioria dos distúrbios do sono é evitável ou tratável, mas menos de um terço dos doentes procura ajuda profissional. Os distúrbios do sono constituem uma epidemia global que ameaça a saúde e qualidade de vida de cerca de 45% da população mundial.

“Pelo menos 20% dos portugueses tem dificuldade em adormecer”, são dados divulgados pela APS.

As perturbações do sono são alterações na estrutura, duração e qualidade, caracterizadas por comportamentos anormais durante o sono ou associados ao sono. O sono é uma necessidade orgânica imprescindível para o bom desempenho fisiológico e comportamental.

hipnose clínica pode ser usada para o tratamento de diferentes problemas emocionais e disfunções orgânicas. É possível influenciar o inconsciente do paciente, sugerindo mudanças em seu comportamento.

O estado de relaxamento total a que o paciente é induzido durante a sessão de hipnose clínica é um importante auxiliar no combate à insônia e a outros distúrbios do sono.

À medida que o paciente frequentar mais sessões, o estado de relaxamento será alcançado com mais facilidade. Conseguindo relaxar, pode-se dispor de uma noite de sono agradável e reconfortante.

A hipnose clínica é uma abordagem isenta de contra indicações nem efeitos adversos e é recomendada para pacientes de qualquer idade.

Uma das grandes vantagens da hipnose clínica como tratamento contra distúrbios de sono é que ela pode permitir que o paciente deixe de tomar. No entanto, deve sempre consultar o seu médico antes de parar a medicação.